Making my dreams come true

I belive I can fly ♪

Passeeeei – Parte 2 30/08/2011 09:47 PM

Filed under: Application,CNH — Nessa Riani @ 21:47
Tags: ,

Tirando a poeira aqui. Faz um tempão que não posto, eu sei, mas tava sem muita novidade e SUPER enrolada fazendo um vídeo pro aniversário de 90 anos do meu avô (caso alguém queira ver, só clicar aqui e aqui). Sei também que eu prometi posts informativos mas estava sem ânimo pra escrever e sem meu notebook lindo, mas agora ele tá de volta e eu dei uma animada, então os posts vão sair.

Tá, sumiço esclarecido e posts informativos a parte, vamos ao que interessa: TIREI MINHA CNH finalmente!!!

Vou contar tooooda a minha saga. Senta que lá vem história.

Eu fiz 13 aulas extras. Isso mesmo, TREZE. Meu pai pagou 10 pra mim na auto escola em MG e minha mãe pagou mais 3 na minha auto escola, pra eu treinar no meu carro antes da prova. E eu ainda tinha 2 aulas de crédito, então fiz 5 aulas aqui, terminei no sábado.

.

Bom, quando eu liguei pra saber pra quando tinha sido marcada a prova, o Luiz falou que eu tinha que estar na auto escola até 11h no dia. No sábado, o Carlos (meu instrutor) falou que era pra eu estar lá 6:50h. Da manhã. Minha prova era a partir do meio-dia. Ele ficou de confirmar pra mim, e ontem (segunda, 29) me ligou falando que era isso mesmo, ele tinha um aluno que era da turma da manhã então ia ter que ir todo mundo de manhã porque não tinha ninguém pra levar depois. No fim, foi bom.

.

Cheguei na auto escola 6:55h é, cheguei atrasada, sem ter dormido praticamente nada, eles me entregaram os papéis (o que o examinador anota os pontos, o que tem o psicotécnico e tralalá) e nós saímos. O Carlos levou 3 alunos, eu óbvio e mais dois garotos, um era da manhã, o outro era da tarde também. A gente chegou no fundão era 7:30h, mais ou menos, e o Carlos foi fazer o percurso da prova com pra nós vermos, deu 3 voltas explicando tudo. Depois deixou a gente numa área que fica montada lá, com cadeiras e tal (foto mais embaixo), explicou pro menino da manhã o que ele tinha que fazer e foi levar o carro pra fila.

.

Pausa pra explicação: os carros das auto escolas ficam todos numa fila gigantesca e é o que define a ordem da prova. Um carinha faz chamada no início (quem chega depois vai lá dar o nome pra ele) e os alunos ficam sentados lá esperando. Quando tá chegando a vez do nosso carro, o instrutor manda pra fila da digital e a gente leva os papéis que eles entregaram na auto escola e a identidade. Aí eles conferem, a gente coloca a digital e fica lá do lado esperando eles liberarem o nosso carro, o instrutor colocar na baliza e os examinadores chamarem. Depois disso você vai pro carro, faz a baliza, se passar, faz o percurso, e volta lá onde coloca a digital pra pegar o papel com a aprovação ou os papéis com a reprovação (nesse caso, eles devolvem o que tem o psicotécnico, prova teórica também). Se a pessoa chegar no final do percurso dirigindo, ela passou, se não, chega no banco do carona.

.

.

O pessoal da minha auto escola (Leandro, Raquel e a outra menina que não sei o nome) ficou sentado junto, o que foi ótimo. Nas primeiras 2 horas eu fiquei lendo o livro que eu tinha levado até que a Raquel viu que a outra menina não tinha passado (ela era do mesmo instrutor dela) e aí eu guardei o livro e nós ficamos conversando, rimos pra caramba, achamos que tinha muita gente sendo aprovada e depois percebemos que a maioria não sai nem da baliza, e onde nós estávamos sentados, não dava pra ver a baliza, o que foi ótimo porque ficamos super otimistas. A turma da manhã acabou era umas 10 e pouco e eles começaram a turma da tarde (várias pessoas tavam lá desde cedo, pelo mesmo motivo que a gente). O carinha avisou que grávidas tinham preferência e a Raquel passou na frente por isso. Aí o Carlos chegou perguntando se eu ou Leandro ia primeiro e eu disse que ia, aí ele me mandou pra fila da digital porque o carro era um dos primeiros.

.

A espera entre a digital e entrar no carro foi a coisa mais agoniante ever. Meu coração batia na garganta, não tinha com quem conversar, fiquei vendo a baliza da Raquel, um sol de rachar na minha cabeça, eu olhando o rosto dos examinadores, rezando por um bonzinho, um horror. Na hora que me chamaram, eu vejo a Raquel chegando pra buscar o papel. Olhei pra ela em pânico e ela me falou que tinha passado, pra eu ficar calma que era muito tranquilo e nada diferente do que a gente fazia na aula. Fui pro carro um pouco mais calma de ver que ela tinha passado de primeira – até então não conhecia ninguém que passou de primeira – entrei no carro pra ajustar tudo, a examinadora (eram dois velhinhos, um homem e uma mulher) para do lado da porta e eis o diálogo:

– Seu instrutor tá aqui te olhando? Até agora não sei porque ela perguntou isso

‘eu procurando’ – Num tô vendo ele aqui não. ‘e continuei olhando, eu já tava pronta e o vovô não tinha entrado no carro’

– TÁ, TÁ, VAI, VAI LOGO, LIGA O CARRO, ANDA FULANO (com o vovô) EU TÔ COM SONO, FOME, ENTRA LOGO NESSE CARRO! Nessa hora eu pensei: fudeu!

O vovozinho entrou, perguntou se eu tava pronta, falou pra ficar calma e aí a vovó se transformou em outro pessoa. Se apresentou, perguntou se eu tava pronta, se podia ligar o cronômetro, me desejou boa sorte, falou pra ficar calma e fazer devagar que tinha muito tempo. Aí eu comecei a baliza e, acreditem se quiser, o vovozinho foi me “ensinando” o tempo INTEIRO. Juro. Ele ficou o tempo todo me ajudando:

– Vira o volante toda pra cá.

– Dá uma rezinha.

– Passa a primeira. Quando você acabar de sair, passa a segunda.

– Olha no retrovisor e muda pra pista da direita.

Juro pra vocês, antes da primeira curva eu já tava chorando de rir. Sem contar que os dois fofocaram o tempo todo, falaram que fulano tava pegando ciclano, ele me contou da filha dele, perguntou o que que eu faço, dois fofos, fiz a prova toda rindo. Aí quando eu chego na última curva ele diz:

– Você é muito simpática, minha filha.

– Eu? O senhor que é, os dois, me deixaram super tranquila.

– Gostou?

– Adorei!

– Então, meu nome e o dela vão ficar aqui nesse papel, entra lá na ouvidoria do Detran e faz um elogio. Conta ponto pra gente.

Chorei de rir. E é claro que eu vou fazer, eles foram super fofos comigo.

Aí meu instrutor veio, me deu parabéns e foi levar o carro pro final da fila pro Leandro fazer a prova. Eu fui com eles lá na digital, pra carimbarem o papel e depois fiquei esperando o Carlos pra ir embora. E o Leandro não passou tadinho, morri de pena.

.

E isso é tudo que aconteceu. Só isso. Mais nada. #parei

.

Sério, foi isso. Semana que vem eu busco a CNH no detran e pronto, menos uma coisa pra resolver.

A sensação? De dever cumprido, 300 kg a menos e mais uma história pra contar.

O post ficou imenso, provavelmente ninguém vai ler, mas fica registrado caso eu queira recordar um dia.

Logo eu volto com outros posts.

Beijos

Anúncios
 

6 Responses to “Passeeeei – Parte 2”

  1. Natasha Says:

    Desculpa por vir “invadindo” o seu blog, mas, como toda aspirante a Au Pair, eu tenho mania de ficar olhando os blogs de outras futuras ou atuais au pairs, e me deparei com o seu. :D
    Enfim, vou direto ao ponto: é sério que os examinadores te ajudaram? Caramba, eu também sou do Rio, fiz a prova pra tirar a CNH DUAS vezes e fiquei reprovada nas duas! Sou meio lerda (hahahah), mas da primeira vez um dos caras foi muito mal educado comigo e eu quase dei um soco na cara dele quando ele disse pra eu desligar o carro e sair, porque tinha sido reprovada (encostei na baliza, na saída. Ao invés de engatar a 1ª, deixei na ré. Eu disse que sou lerda, hahahahah)! Da segunda, os dois foram educados, mas por conta da minha lerdeza, deixei a seta desarmar e eu não tornei a ligar duas vezes, então, *plim*, reprovada novamente.
    Bom, desculpe pelo comentário “desabafo”, é que fiquei impressionada com isso, de como você encontrou gente educada no Detran. Parabéns por ter passado, e boa sorte com o resto! ;)

  2. Fernanda Says:

    Nossa, com vc foi a mesma coisa que aconteceu cmg. Tirei minha CNH ano passado. O examinador era super bacana, eu estava tão nervosa que só dps eu percebi que ele estava me falando tuuuudo sobre como fazer a baliza.
    Não acredito até hj que passei de primeira kkkkk. Depois que ouvimos o “Parabéns, vc foi aprovada” é como se sentíssemos aquele alívio imediato né? rs

  3. Vanessa Lima Says:

    Aeeee….. Parabenss!!!

  4. Mandy Says:

    Oie Flor
    Estu curiosa para ver o video, mas como ele e bem grandinho e aki e de madrugada fica pra depois!
    Parabens pela CNH, realmente e um peso enorme q sai das costa da gente =)
    Bjao

  5. mayara Says:

    Paaaarabens

    • Vanessa Says:

      Parabéns Vanessa!
      Nossa, a CNH é realmente um saco.
      Tô terminando as minhas 20 aulas! Quinta feira é o meu exame.
      Torça por mim :)
      Acho que depois da CNH as coisas deslancham…
      Boa Sorte pra você!!

      Beijos, Vaan.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s