Making my dreams come true

I belive I can fly ♪

Host Family Letter + Vídeo – Parte 2 30/07/2012 11:38 PM

Filed under: Application — Nessa Riani @ 23:38
Tags: ,

Oiiiê! Não, eu não abandonei de novo, só tive as duas semanas mais corridas ever e não deu pra escrever nada. Agora que a rotina voltou ao normal, vou começar a escrever os posts com as últimas novidades.

Enquanto eu estava online, mudei minha carta sei lá quantas vezes. Acho que cada dia sem família no perfil, eu ia lá e mudava uma coisinha, então meu post da letter ficou desatualizado. O vídeo eu também fiz outro, já tinha até falado aqui, mas nunca postei, né? Então, pra não ficar tanto tempo sem post, e como eu sei que isso ajuda bastante quem ainda tá preenchendo o application, vou deixar aqui minha carta e o vídeo.

 

 

Host Family Letter

Dear host family,

Thank you for your interest in me. My name is Vanessa and my friends and family usually call me Nessa. I am 20 years old and live in Rio de Janeiro with my aunt Denise, my cousins, Marina and Joao Vitor and our dog, a french bulldog called Brisa. I was born here but when I was 5 years old my parents and I moved to Sao Joao Nepomuceno, in the state of Minas Gerais in the southeast of Brazil, where I grew up and where my parents live until today. That is a small city and has some beautiful waterfalls and a peaceful neighborhood. I moved back to Rio de Janeiro to start college when I was almost 18 years old and I love this city, It’s the most beautiful city in the world, in my opinion, with so many natural beauty: wonderful beaches, woods, the Sugar Loaf Mountain; also has the Christ the Redeemer statue, high on Corcovado Mountain, where you have a breathtaking view of the whole city and the carnival, when we have amazing Samba School’s Parades. The only problem is the weather, this is a really hot city and like winter, cold.
I am only child and my cousins are like siblings to me. My family is big but almost everybody live in Sao Joao Nepomuceno and it’s about 3 hours by car from Rio de Janeiro. We are all very attached with each other and is great to reunite all of us at my grandparents farm on the weekend and spend the whole day just talking. I visit them a lot, at least once a month, sometimes twice, and talk with my parents on the phone almost every day. Family is everything for me, my basis, who I know I can always count with and all of them are encouraging me a lot to be an Au Pair.
I love to learn new things, specially the ones that can help me in childcare, so I’m learning ASL (American Sign Language) that can help on baby and toddler development. I sing the alphabet with ASL to the baby girl I take care and she just loves it!
I can describe myself as a independent, responsible, honest, calm, lovely, organized, easy going, flexible, creative and fun person. I enjoy music, cook, watch TV, surf on the internet, travel with my parents, go to museums, walk on the park or go to the mall with my cousins, go to the cinema with friends, play games and spend time with family, but the two things I like to do the most are read and spend time with my cousins kids. I read a lot, am always reading something, this year I’ve already read 10 books and my cousins children are my passions, I become a child again when I’m with them, we swim, ride a bike, draw, play costume and soccer together. Once, they traveled with me, without their parents, and I took them to a museum, beach, amusement park and movie theater. Were wonderful days. I love to be with them.
Regarding my experience, I started babysit Sara when she was almost 8 months old, now she is 6 years old, will be 7 in April. Her mother is my friend’s sister and I was always there, visiting the girl, so she said she needed some help and asked me if I wanted to start to babysit her. When Sara was almost 2, Pedro, her brother, was born and I started to help with him too. Right after Pedro turned one, their mother started to work again and I became fully responsible for them on afternoons. I worked for her since December/2010 and just stopped because they moved to another city, but I sometimes I go there visit them and they come to visit me. I had to change diapers, bath them, put on a nap, read stories, take to ride a bike, play costumes, arts and crafts, take to the park, do picnic, etc. In August/2008 I started a volunteer work at a daycare for children in need. There I worked with children from 18 months until 3 years and worked for a year and a half. There I stimulated their motor control, psychomotor education (music, games, basic hygiene and nutrition) and socialization.
Were two amazing experiences and I learned a lot in both. I love to be with kids because they are so transparent. Their happiness and innocence make me happier and I appreciate how they love truly. I love to make the difference in a child life!
Nowadays I work as a babysitter for a few families. One family has a baby girl called Arden Flora who has just moved to Rio de Janeiro. She is 14 months old and I started to take care of her on september. I play, take to a walk, to the park, beach, give her a snack, bath her and put on a nap. Sometimes I babysit her at night so I give her dinner, prepare and give bottle, read some stories and put on bed too. The other one has Emilia, an american girl who is 1 year old and I just started to take care of her. I play with her, take to the park, to the beach and put on a nap. Also babysit Isabel, a 3 years old american girl and I give her lunch, snack, take to the park, to the beach, pool. It’s a great opportunity to know a little about the american culture and practice my english.
I want to be an Au Pair because I think that an exchange is a huge experience and personal growth, once you’ll know yourself better and face different challenges, and I completely love the american culture since I started to study english, when I was 8. Also, I want to improve my english. This program is perfect for me because is an amazing opportunity to live with an american family, know their culture better and work with I like: take care of children.
I hope my profile fits in your needs!
With love,
Vanessa

 

 

Vídeo

 

 

É isso. Até o fim de semana eu atualizo com as news.

Beijos

Anúncios
 

4th of July 15/07/2012 03:30 PM

Filed under: American life — Nessa Riani @ 15:30
Tags: ,

Aí que eu percebi que se ficar tentando organizar isso, não vou atualizar nunca, então vai ficar tudo fora de ordem mesmo, vou começar a contar as coisas atuais e de vez em quando escrevo e posto uma antiga, assim pelo menos para de acumular coisa pra contar e me desanimar cada vez mais.

 

Então vamos ao que interessa: 4th of July (Dia da Independência dos EUA, pra quem não sabe) na capital no país. Tem noção?

Aqui eles comemoram MESMO o 4 de julho, não é igual ao 7 de setembro no Brasil, que é só um feriado pra ficar a toa. É lindo de ver todo mundo usando alguma coisa com a estampa ou, no mínimo, as cores da bandeira.

(more…)

 

I GOT MY VISA!!! 14/07/2012 02:30 PM

Filed under: Dicas,Visto — Nessa Riani @ 14:30
Tags: ,

Viram que rápido? Sem nenhuma tensão, sofrimento. Vantagens de abandonar o blog por mais de 5 meses! :P

Eu queria marcar meu visto pra primeira semana de Abril, que aí não ficava muito antes da data de embarque, mas me dava um tempo bom pra tentar de novo caso desse errado e pra organizar tudo com calma pra viagem. Mas, porém, entretanto, contudo, eu sou meio ‘reservada’ (não é essa a palavra, mas não consegui achar outra). Não gosto de fazer as coisas com todo mundo sabendo, gosto de contar depois que tá tudo resolvido e já tava puta que minha mãe tinha contado do meu match pra meio mundo, sendo que eu só ia contar depois que tivesse o visto, entãaaaoo eu menti. Sim, menti. Falei pra todo mundo que ia marcar no início de Abril, que dava pra marcar pra mesma semana (o que é verdade) e marquei pro dia 29/03, assim ninguém ficou me perguntando nada. Só contei pros amiguíneos do twitter, que não tem contato nenhum com a minha vida real (não tinham na época) e foi todo mundo um bando de fofo que ficou me mandando sms e tweets no dia de manhã.

Sem dúvida alguma, dia 29/03 foi um dos melhores dias da minha vida! Mas aqui só vou contar um dos motivos, o que interessa.

Meu visto tava marcado pras 11h. O trânsito do Rio de manhã é uma merda, então planejei acordar umas 8h pra tomar banho e tomar café com calma porque eu sabia que não ia almoçar tão cedo, e sair de casa NO MÁXIMO 9h, que aí eu chegaria no consulado umas 10 e pouca e eu ainda tinha que imprimir a confirmação do DS (eu só tinha conseguido imprimir em jato de tinta, mas queria imprimir a laser pra garantir).

Lembro que tive um estressezinho na noite anterior, mas não lembro o que era, só que fui deitar cedo e morrendo de dor de cabeça. Tomei remédio e quem disse que eu dormia? Rolei na cama por horas até que, no meio da madrugada, eu disparei a mandar sms pra Talita (mesmo esquema do relato, viu?) que eu não sei MESMO como me aguenta! Enfim, ela conseguiu me tranquilizar um pouquinho e eu peguei no sono já devia ser mais de 4 da manhã e aí… perdi a hora! Acordei umas 8:45h, fiz tudo correndo, nem tomei café e saí de casa umas 9:20h. Cheguei na Cinelândia umas 10:45h, fui imprimir a folha ainda (sorte que tem lugar de impressão dentro da estação) e cheguei na fila do consulado 11h EM PONTO!

Pausa pra explicar meu não-nervosismo: eu ia tentar encontrar umas meninas, que eu conhecia do twitter, meio-dia não, não vou contar pra quê e no caminho pro consulado todas elas me ligaram pra desejar boa sorte, tanto pra conseguir o visto quanto pra conseguir sair a tempo, então essa já tinha se tornado minha maior preocupação.

Na fila do lado de fora, a mulher confere a confirmação de preenchimento do DS-160, a foto, o passaporte, a taxa SEVIS, o DS-2019 e o comprovante de pagamento do visto. Lembro que ela grampeou minha foto no passaporte e acho que foi só isso, mas não tenho muita certeza. Aí você entra, eles olham a bolsa, passa pelo detector de metais e entra numa espécie de galpão, direto em outra fila pro balcão onde você entrega todos os documentos que a mulher conferiu do lado de fora. Eu vi que um dos caras tava perguntando pras pessoas se a entrevista podia ser em inglês e, quem dizia que sim, eles colocavam um papel branco junto com os formulários e passaporte. Pra mim ninguém perguntou e nem deu papel, mas acho que foi por causa do tipo de visto, sei lá.

Aí te dão uma senha e você senta e espera. É meio aleatório, eles vão chamando conforme vão conferindo tudo e alguns demoram mais, então outros são chamados na frente, mas é só prestar atenção, eu esperei uns 10 minutos. Aí eles chamam, devolvem o passaporte com os formulários presos por um elástico (e é pra deixar assim) e você vai pra fila das digitais, que eu fiquei mais uns 10 minutos. Prestem atenção na hora de colocar os dedos porque as pessoas dos guichês ficam meio de saco cheio de ter que ficar corrigindo sendo que tem mil cartazes colados explicando como fazer: primeiro os 4 dedos da mão direita, depois os 4 da esquerda e depois os dedões juntos. E dali você já vai direto pra fila da entrevista.

Foi nessa hora que eu vi que eu realmente tenho probleminha! Todo mundo arrumado e meio nervoso na fila e eu de short e rasteirinha (juro!) olhando o relógio o tempo inteiro, louca pra acabar logo e sair dali. Chegou minha vez e eu fui com um velhinho que só falou uma frase em português e eu não entendi de primeira hahaha a entrevista foi toda em inglês e, como disse, só queria sair logo, então tava super segura nas respostas e o inglês saiu numa boa.

Vou tentar escrever a entrevista, mas já tem mais de 3 meses, então não vai sair igual.

Cônsul: Oi

Eu: Oi :) ~entreguei o passaporte e os formulários~

Cônsul: Qual o motivo da viagem? ~fiz cara de ‘ahn?’ e ele repetiu~

Eu: Vou ser Au pair

Cônsul: ~já começou a digitar sem parar~ Oh, where will you live?

Eu: Silver Spring – MD

Cônsul: That’s great! Have you ever travelled abroad?

Eu: No. This will be the first time.

Cônsul: Did you start college?

Eu: No, because I wasn’t sure what I wanted to study

Cônsul: Have you ever worked?

Eu: No

Cônsul: When you finished high school?

Eu, já de saco cheio, louca pra ir embora: In 2008

Cônsul: And what do you do since there?

Eu: I help my father (mentcheeeeeeera!)

Cônsul: What he works with? (nessa hora ele já tinha assinado o DS há anos-luz e num parava de falar)

Eu: He…

Cônsul, finalmente: OK, pay the sedex outside and have a nice day!

Eu: Thank you. You too :)

E eu saí do consulado umas 11:45h, peguei minha mochila e fui pagar o sedex (Correios fica na esquina do lado). Ah, guardem a senha que eles deram quando você entregou o passaporte (é a única que você recebe) que vai precisar dela pra pagar o sedex.

Enfim, eu nunca trabalhei de carteira assinada, só de baby-sitter pra umas famílias americanas, não fazia faculdade (eu fiz um tempo, mas larguei porque odiava e achei melhor não colocar isso), não tenho nada no meu nome, ou seja, porra de vínculo nenhum. Levei 320379182 documentos dos meus pais e não pediu nada!

Documentos que levei:

  • Extratos bancários atualizados referente aos 3 últimos meses (Conta corrente, poupança, investimentos, fundos).
  • Declaração de Imposto de Renda Completa com Recibo de Entrega Original, do último exercício.
  • Registro de Imóveis ou Escrituras de imóveis (se possuir)
  • Certificado de Registro de Veículo do solicitante ou da família.
  • Carteira funcional (CRM, OAB, CRC, CREA, se possuir ).
  • Certidão de casamento ou nascimento.
  • 3 últimos holerites, carteira de trabalho original e atualizada.
  • 3 últimos pró-labores, contrato social e última alteração contratual, Cartão CNPJ, I.R. pessoa jurídica completo.
  • Se autônomo acrescentar: declaração da empresa em papel timbrado informando que o passageiro presta serviços, incluindo dados da função, período e valor recebido mensalmente, declaração do contador informando os três últimos rendimentos, contrato de prestação de serviços.
  • 3 últimos contra-cheques de aposentadoria e/ou pensão.
  • Se proprietários de imóveis acrescentar: contrato de aluguel e recibos dos três últimos meses.
  • Declaração de suporte financeiro dos pais*

O que não pode esquecer de JEITO NENHUM:

  • Comprovante de pagamento da taxa do visto (do Citybank)
  • Passaporte
  • Foto 5×5 ou 5×7 (a minha era 5×5, caso queiram saber)
  • Página de confirmação de preenchimento do DS-160
  • DS2019
  • Comprovante de pagamento da taxa Sevis (a agência te manda)
  • Página de confirmação de agendamento (alguns pedem)

Quem usa óculos, NÃO tirem foto com ele! No site diz que não tem problema, mas eu vi gente na fila tendo problema com isso sim e não aceitaram. Melhor não correr o risco.

O passaporte com o visto chegou menos de 1 semana depois, mas eu não sei exatamente quando porque estava viajando.

Eu demorei tanto pra fazer o post que já mudou tudo, então se quiserem dicas, procurem alguém que tirou nesse novo esquema de 2 dias (eu super recomendo os posts da Alice, tão bem explicadinhos).

Beijos!

*Caso alguém queira, tenho esses dois modelos e levei o segundo (meu pai reconheceu firma da assinatura dele):

Eu, (NOME PAI), portador da cédula de identidade RG____________, portador do CPF_____________, declaro para os devidos fins que estarei custeando as despesas com o curso de Inglês na escola ______________, nos EUA, e passagens aéreas, de meu filho (NOME DO FILHO), portador da cédula de identidade RG___________, portadora do passaporte número __________, pelo período de ______.

Por ser verdade, firmo a presente.

_________, ____ de _________________ de 2010.

_____________________________________

NOME PAI

RG.____________

Cidade, Dia de Mês de Ano.

CARTA DE CUSTEIO

Eu, NOME DO SPONSOR, nacionalidade, estado civil, profissão, RG nº Número do RG, inscrito no CPF sob nº Número do CPF, residente à Endereço Completo e CEP, na cidade de Cidade – Sigla do Estado, DECLARO, para única e exclusiva finalidade de comprovação perante o CONSULADO DOS ESTADOS UNIDOS DA AMERICA no Brasil, que a viagem de estudos (J1) presenteada à minha filha, NOME DA AU PAIR, portadora do Passaporte nº Número do Passaporte, RG nº Número do RG, CPF sob nº Número do CPF, residente no endereço acima indicado, à cidade de CIDADE E ESTADO QUE A AU PAIR VAI nos Estados Unidos da América, será totalmente custeada por mim, incluindo os custos de emissão do visto consular, inscrição no Programa Au Pair, gastos pessoais e seguro de viagem.

Sendo a verdade, firmo o presente em uma única via.

_____________________________________________

NOME COMPLETO DO SPONSOR – CPF DO SPONSOR

 

I HAVE A MATCH!!!

Filed under: Famílias,Match — Nessa Riani @ 02:43
Tags: , , ,

E 5 meses depois do match, com 2 meses e meio nos EUA, eu, finalmente, criei vergonha na cara e vim atualizar essa budega.

Sim, eu sumi. Primeiro foi por falta de novidade, depois começou o Big Brother e aí já era, não faço mais nada, e depois foi porque tinha coisa demais acumulada e eu ficava com preguiça, mas enfim, voltei! :)

Como eu disse, tem muita coisa acumulada, então eu vou fazer os posts principais (I have a match, I got my visa, treinamento…) pra chegar logo aos dias de hoje e depois eu vou fazendo aos poucos os outros posts (famílias que conversei, como preencher DS-160, malas, presentes). Sei lá se alguém ainda lê isso aqui, mas vamos lá.

  (more…)

 

Natal com Gingerbread House…no Brasil! 01/01/2012 03:00 PM

Filed under: Besides Au Pair — Nessa Riani @ 15:00
Tags: , ,

Será que alguém ainda lê isso aqui? Pois é, dei uma abandonada legal, né?

Não vou inventar um milhão de desculpas e tal, foi preguiça mesmo, junto com um desânimo de não ter nada novo pra contar e aí se passaram quase 2 meses, mas tô de volta! E preparem-se pro maior post que eu já escrevi!

.

Em relação ao intercâmbio, não estou nem um pouco ansiosa. É claro que quero ir logo, mas não passo o dia todo pensando nisso. Estou vivendo normalmente, curtindo horrores a baby canadense que eu cuido (que BTW tá a coisa mais fofa desse mundo), juntando mais dinheiro e aproveitando cada segundo de tudo porque eu sei que, geralmente, depois do match você não tem tempo pra fazer mais nada direito, então tô fazendo isso logo :P

.

Mas esse post vai ser nada a ver com Au Pair ou não. Vou contar sobre o meu natal! (more…)

 

Educandário Romão Duarte 10/11/2011 10:13 PM

Filed under: Besides Au Pair — Nessa Riani @ 22:13
Tags: ,

Oi gente!

Meu processo continua na mesma, sem news, sem família, a única “novidade” é que fiz um vídeo novo finalmente mas só vou postar aqui depois que for aprovado pela APIA e eu pedi pra trocar hoje, então ainda tenho que esperar  eles tirarem o outro pra eu fazer o upload do novo e aí esperar eles aprovarem!

.

Tem um grupo no facebook de au pairs e futuras au pairs do RJ e, de vez em quando, fazemos um meeting pra bater papo. Se alguém lê aqui, é do RJ e não faz parte do grupo, só me adicionar no face que eu coloco lá.

Eis que terça-feira passada, dia 1, eu tava no MSN com a Monique e ela me pergunta se eu queria ir visitar o orfanato com ela e a Nath no dia seguinte. Eu concordei na hora e combinamos de encontrar no metrô do flamengo. (more…)

 

I’M ONLINE!!! 01/11/2011 05:15 PM

Filed under: Agência,Application — Nessa Riani @ 17:15
Tags: , , , , , ,

Nem acredito que, finalmente, estou fazendo esse post. Pois é, depois de quase 1 mês eu recebi o e-mail mais lindo:

“Dear Nessa,

You have been accepted onto the Au Pair In America program.

Now that you have been accepted, remember that you will need to pay a Program Fee once you are placed with a host family. The current Program Fee is USD 500.00, plus a one-way flight surcharge of USD 250.00 from RIO DE JANEIRO, BRAZIL. Please note this Program Fee may be subject to change. Refer to our website www.aupairamerica.co.uk for a full explanation of costs and benefits for the program.

Please log into the Au Pair in America website regularly to view any updates about your application. You will also find lots of useful information about matching with a host family and life in the US.

Please feel free to contact us with any questions and we hope to find you a great host family soon.

Kind regards,
Au Pair in America

(more…)